24 de janeiro de 2015

Passeio no Tietê

Antes de rodar com a bandeira vermelha (Take de Flag - RED - xt660.net), nada melhor do que um brinde no Rota 300 Moto Bar, cerveja gelada especialmente cuidada pelos amigos Amberson e Alessandra. Visitem!! Mas isso foi ontem.






Vamos ao passeio de hoje: Rio Tietê!
Estamos passando por uma das maiores secas já vistas, e não é só na capital não. O Rio Tietê, no reservatório da Usina Três Irmãos, que banha Araçatuba, está em uma das suas menores cotas já vistas, hoje está em aproximadamente 319 m, isso é muito baixo, cerca de 10 metros do nível habitual máximo.

Sobre a ponte entre Araçatuba e Santo Antônio do Aracanguá já é possível ver as enormes margens e árvores (antes submeras) que surgiram.

Rumo à Santo Antônio do Aracanguá, passando sobre a ponte.

Nas margens do porto de areia

Moto sobre as águas

De longe é assim


Margem aumentando dia a dia.

TTF Red em ação!

Da ponte se vê este barco para turismo está parado a mais de um ano nessa posição, mesmo com um calado baixo ele não consegue navegar, além disso a eclusa da UHE de Nova Avanhandava (Buritama) à montante, não está funcionando, para economizar água.


Segue o caminho, vamos para Santo Antônio do Aracanguá, observar um braço próximo do reservatório, na ponte do Rio Lambari. Ali deu para observar bem o quanto a seca demonstra seu poder, árvores que antes eram totalmente submersas, onde os pescadores usavam as pontas dos seus galhos para amarrar os barcos, agora estão totalmente fora d´água, mostrando o terreno original que existia ali antes de encherem os reservatórios.

O desnível atual é, aproximadamente, de 10 metros abaixo do normal.

Esta árvore era totalmente submersa.



Fica aqui o relato, a água não está acabando, mas está cada vez mais difícil de obtê-la. Esta seca, com certeza acabará no médio ou longo prazo, entre 1 e 3 anos, dizem os especialistas, e está servindo para revermos nossos conceitos. Como Agrônomo, utilizador de irrigação e observador obrigatório do clima, sei que 3 anos não é exagero. A água do Tietê não acabará, mas é cada vez mais caro ir atras dela quando o nível do reservatório abaixa, são necessárias muitas alterações técnicas e de equipamentos para se adaptar e isso custa caro, isso quer dizer que, lá na frente, vai doer no nosso bolso. Então, lavar calçada e similares.... nem pensar!

Para quem ainda não acredita, basta dar uma olhada neste vídeo postado no Facebook, no porto fluvial de Araçatuba:
https://www.facebook.com/video.php?v=857529787644582

Até o próximo passeio!

Dica: 
Rota 300 Moto Bar
Praça Hugo Lippe Jr 440 (Praça Olímpica)
Araçatuba/SP
http://www.facebook.com/rota300motobar